quinta-feira, 30 de agosto de 2018

DANÇA - Aprendizagem Motora

Para melhora da técnica da dança é necessário repetir o movimento um milhão de vezes até conseguir executá-lo com perfeição?
O aprendizado do movimento acontece por meio de processos neurais desencadeados pelo entendimento e execução de determinado movimento. Quando o corpo é desafiado e torna a execução do movimento uma resolução para problemas motores, o corpo é capaz de apreender e aprender aquele movimento de forma mais eficiente com rapidez na execução e, sem que precise repetir inúmeras vezes, resultando à precisão da ação coordenada dos grupos musculares, e consequentemente no desenvolvimento e aprimoramento da habilidade (movimento) (Magill, 2000).
O simples fato da execução consciente pode acarretar numa ativação muscular apropriada, ou seja, seu movimento ficará mais fácil, mais limpo e harmônico. As articulações estarão alinhadas, e a musculatura estabilizadora será menos sobrecarregada (Whiting & Zernicke, 1998).
Quais as consequências de tudo isso?
Acho que o sonho de todos os bailarinos: MELHORA DA TÉCNICA, PREVENÇÃO DE LESÃO E MELHORA DA PERFORMANCE ARTÍSTICA. Seu corpo pode alcançar os movimentos propostos com a melhor estética possível, menor esforço e a dor não será necessária.
REFERÊNCIAS:
Marques IA. “Corpo, dança e educação contemporânea”. Pro-Posições. 1998; 9 (2) 26.
Krasnow D, Wilmerding V. Motor learning and control for dance: Principles and practices for performers and teachers. Champaign, IL: Human Kinetics, 2015
Magill RA. Aprendizagem Motora: Conceitos e aplicações. São Paulo, Ed. Blucher, 2000.
Schmidt RA, Lee TD. Aprendizagem e performance motora: dos princípios à aplicação. 5. ed. Porto Alegre: Artmed, 2016.
Whiting, W. C., & Zernicke, R. F. (1998). Biomechanics of musculoskeletal injury. Champaign, IL: Human Kinetics.1998.

Nenhum comentário:

Postar um comentário